sábado, 29 de março de 2014

Organização, sistemas e métodos não fazem mal a ninguém, fica a dica! {# A Semana}



Olá, pessoas!

Comentei com vocês sobre o QDT nessa postagem, que é a sigla para Quadro de Distribuição de Trabalho.

Eu me formei em Administração em 2008, dentre as matérias havia a, por muitos odiada e por mim AMADA, Organização, Sistemas e Métodos.

Qual o teor dessa matéria? Esse mesmo: organização, sistemas e métodos, hahaha

Sou louca por uma planilha, um quadro de tarefas, mural, qualquer coisa que remeta à organização.

Apesar disso, nos últimos tempos andava confiando na memória demais e esquecendo ou perdendo muitas informações. Para os compromissos recorria ao velho círculo ao redor da data no calendário, velha essa!

Bom, meu material da faculdade, o que era útil, guardei tão bem que não acho! kkkkk, brincadeira!!

Tá todo guardado mas, inacessível...preciso de um método de deixar as coisas que são úteis à mão...pesquisar em 3, 2, 1! Talvez digitalizar...

Nesse meu material guardado à sete chaves, há muito material legal e que pode ser utilizado por qualquer tipo de tarefa, nas empresas, nas escolas e até na sua casa, organizando as tarefas domésticas.

Pesquisei então na internet, achei essa apresentação de slide, nesse link:


No final da apresentação há uma planilha que pode ser adequada às características do trabalho a ser feito.

Estou construindo as minhas, quando estiverem prontas, compartilho!

Minha semana foi basicamente planejar o que e como fazer meus projetos, é...tenho vários!

Qual vingará ainda não sei mas, estou com planos A, B, C ...até Z!

Não sei se isso acontece com as outras pessoas mas, tenho N interesses e preciso descobrir qual o valor de X ou Y, entenderam? rsrs

Às vezes, a gente despende um esforço enooooorme em algumas coisas que, realmente não valem a pena. 

O problema é descobrir isso muuuuito tarde. 

Minha busca pela realização pessoal, por um trabalho que não me tire de casa e satisfaça minhas expectativas ainda continua. 

O que mudou? 

Parar de atirar pra todo lado a esmo!

Atirar pra todo lado com FOCO!

Como fazer isso? Planejamento, anotar as ideias, dar prazo para execução e impor limites razoáveis para continuar ou desistir do objetivo. Murro em ponta de faca machuca, né?

Tudo o que produzir postarei aqui com a tag organização, sistemas e métodos, acompanhem os próximos capítulos...Beijão, até mais!

Quer saber como foi A SEMANA de Fernanda Reali e outras blogueiras? Clique aqui.


quinta-feira, 27 de março de 2014

Brincadeira dançante, Festa americana, quem lembra? {#BC Musical}

Hoje na Blogagem Musical de Dani Moreno o tema é Dance anos 80 e 90.




Bom, nos anos 90 eu estava dançando pouco...rsrs, era uma fase mais tranquila, namorando sério e em 1996 já era mami poderosa.

Já nos anos 80, queimei tantas calorias!!

Até acho injusto não ter uma poupança de calorias queimadas...você acumula e perde quando quer, ora bolas!

Bora falar quais, na verdade algumas, músicas que dancei:


Música eletrônica não podia faltar!

Domino Dancing - Pet Shop Boys







Era apaixonadas por esses caras...e essa música dava pra dançar junto (os mais novos nem sabem o que é isso! rsrs), separado, do jeito que fosse!

Duran Duran - Save a prayer






Todo mundo cantava essa, pelo menos o refrão...rsrs

Voyage Voyage - Desireless






Outros amados, e essa música em especial, eu amava ver o clipe, tinha um recurso modernésimo, transformava o vídeo em desenho animado, da hora era o que se dizia na época...kkkk

Take on me - A-Ha





Uma que dancei nos anos 90 e não podia ficar de fora!

Rhythm of the night - Corona




Dava pra citar várias e várias mas, vou ficar por aqui...

Dani vai dar uma paradinha na BC Musical...ahhhhhhhhhh, Dani! rsrs

Agora que tava bom! Parece as festas dos anos 80, quando ia ficar bom, era hora de ir embora! 

Mas, é porque ela tá com uns projetos e BC toma tempo mesmo, é só um até breve né Dani?

Beijo gente, até mais!

terça-feira, 25 de março de 2014

Essa luz nos meus olhos...{#BC Fotos}

Daí que Dani Moreno nos desafia a postar sobre Brilho nos olhos, na Blogagem Coletiva Fotos.


Pois era justamente disso que estava falando na postagem anterior, não é mesmo?

Quem arrisca o que me dá muito **BRILHO NOS OLHOS**?








Corre lá na Dani e veja o que faz brilhar os olhos dela e os de outras blogueiras.

Até a próxima, beijão!

sábado, 22 de março de 2014

Fechada para balanço {#A Semana}



Essa semana, ou melhor, as duas últimas semanas, foram dias de muita reflexão pra mim.

Tempo de colocar a cabeça no lugar, definir prioridades, traçar novos rumos.

Tenso?

Nada...eu amo muito tudo isso!

Quando eu passo por fases assim, sempre, SEMPRE, surgem textos, livros ou pessoas que me dizem exatamente o que eu procurava e dessa vez não foi diferente.

A fonte dessa vez foi o texto de Ale Garattoni, em uma noite de insônia (amo as produções da madrugada, são as melhores!) em seu blog, clique AQUI para ler o texto.

Refleti que na rotina, muitas vezes torturante das tarefas da casa, filhos, marido, acabo esquecendo do caminho que me trouxe até aqui, dona de casa, esposa e mãe: meu desejo!

Sempre desejei isso, quando menina e brincava de faz de conta, eu sempre era a mamãe, nunca professora, médica, dentista, sempre mamãe. Fui um pouco mãe dos meus irmãos, cuidava deles. Quando pensava no futuro, me via mãe.

Aí, o tempo passou e eu consegui o meu objetivo.

E o brilho nos olhos, cadê?

Ao invés disso pensava que poderia ter sido uma profissional de sucesso, que poderia ser independente financeiramente, que poderia estar realizada como mulher, que poderia e que poderia.

Refleti que estava sendo mais feliz supondo minha vida, do que vivendo ela.

E me zanguei comigo mesma e não foi pouco não!

Lembrei desse provérbio, que achava, acho e acharei perfeito:


Imagem: UOL Pensador

Não troco a minha vida atual por nada neste mundo, nada iria me dar mais prazer do que estar na família que tenho, fazer uma comidinha que a família aprecia, um bolo de fim de tarde, passar uma camisa melhor que a lavanderia (frase do marido...rsrs), ver meus filhos crescerem, ver meu marido chegar em casa feliz porque nós estamos lá...

E pensar isso me deixou relaxada, com uma coisa boa dentro de mim, um sentimento de estar preparada para o próximo passo, já que resolvi uma pendência que estava me atormentando e paralisando a minha vida. 

Minhas semanas, os últimos quinze dias, podem não ter sido movimentados 
literalmente mas, na minha cabeça..QUE TURBILHÃO!

O primeiro passo agora é o planejamento, pôr as ideias no papel, você sabe fazer isso?

Eu achava que sabia mas, descobri que existem métodos para isso, conheci um ótimo, o QDT. Mas, isso fica pra semana que vem!

Essa postagem é parte da Blogagem Coletiva A Semana de Fernanda Reali, vai lá e veja a semana dela e de outras blogueiras.

Beijos e até mais! 





quinta-feira, 20 de março de 2014

Vai, saudade e diz pra ela...{#BC Musical}

Olá, hoje é quinta, dia de:




Apesar do título sugerir Talismã, de Leandro e Leonardo, a minha saudade sertaneja é de uma música, que já é um clássico no gênero:



Fio de Cabelo


A música é linda, fez e faz muito sucesso, né?

Mas, a minha saudade é de uma pessoa, uma pessoa muito querida que já não vive entre nós, mas que vai morar pra sempre no meu coração. 

Minha tia-avó Elza, ou tia Nenê, seu apelido.

Quando eu era criança, essa minha tia tinha um bar, quem mora em Bauru deve se lembrar, se chamava Bar da Linha, porque ficava ao lado e no cruzamento de uma linha férrea da cidade.

O bar era movimentadíssimo e atendia vários públicos.

De manhã, funcionava como uma espécie de padaria, tinha café, pingado, média, pão na chapa, misto. 

À tarde, atendia quem queria tomar uma gelada, ou um refrigerante, com os salgados delícia que ela fazia. 

E à noite, eu não via, a gente (criança) era proibido de ir lá, tipo festa estranha com gente esquisita, sabe? Boteco, né gente! rsrs


Na época dessa música, 1982, eu tinha 9 anos, e ela morava na casa atrás do bar, com meus primos Silvana e Júnior, meu tio Oswaldo e minha bisa Idalina.

Era uma trabalhadora, acordava muito cedo, antes do sol nascer, e se deitava muito tarde, muito depois do sol se pôr.

À noite, quando a gente era proibido de entrar no bar, rolava um sonzinho na vitrola (é, gente...vitrola), o gênero era sertanejo, bolero e samba.

Quando começava a tocar Fio de Cabelo, todos os sóbrios e ébrios cantavam com Chitãozinho e Xororó...."E hoje, o que eu encontrei me deixou mais triste....", dava pra escutar lá na casa e eu achava engraçado aquele coral.

E, antes mesmo dela nos deixar, essa música me fazia lembrar dela.

Minha tia foi uma lutadora, uma destemida, em todas as minhas lembranças ela está trabalhando, lavando, passando, cozinhando, costurando.

Ela se separou do meu tio mais tarde, e aguentou a barra de cuidar dos filhos sozinha e o estigma de ser "separada". O tal do preconceito, aquele feio.

Também mais tarde, não conseguiu levar o bar sozinha e o vendeu. Mas, continuou trabalhando...Digo sempre, tem gente que vem à vida a passeio, ela veio a trabalho.

Só perdeu sua última batalha, um câncer, e ela se foi em 08.08.2012.

Ela tinha fama de ser pessoa esquentada, pavio curto. Mas, a mim sempre tinha um sorriso guardado. Tanta saudade dessa recepção...
Imagem e tratamento: Daniella Yamauti
Beijos, até mais!




terça-feira, 18 de março de 2014

Qual é o pente que te penteia? {#BC Fotos}



Este post faz parte da Blogagem Coletiva da Dani Moreno e o tema de hoje é:


Tenho que confessar uma coisa: tenho mais de um(a) cabeleireiro(a).

Bate até uma culpa....hahaha

Já teve época que só ia em um cabeleireiro, na adolescência. Mas, infelizmente ele tinha muito talento e nenhuma cabeça, foi perdendo os clientes...= (

Mas, minha infidelidade é desculpável...acho! rsrs, depende de horário disponível, grana disponível e o que queremos, tem profissionais ótimos pra corte e não tão bons em coloração e por aí vai...

Há 18 anos atrás, quando me casei, quem me produziu foi o Julinho, um cabeleireiro fofo, talentosíssimo, famoso e nem por isso esnobe. Ele é casado com a Regina, uma fofa, aliás eles formam um casal fofo, só quem os conhece pra saber, a Rê entende tudo de coloração. 

Podem passar anos sem eu ir lá, o tratamento é sempre o mesmo! Adoro e recomendo! O salão deles fica em Bauru, clique AQUI e conheça o site.

Lá vem a noiva...


Aí, casando passei a morar na cidade que moro até hoje, Pederneiras.

Aqui, conheci muitas cabeleireiras, só vou citar as ótimas: Simone, Carla e Cris. Em Bauru, conheci também a Tânia, estupenda!

Como elas não têm site ou páginas públicas, quem for da cidade e quiser o contato, só pedir.

Sou fotógrafa, sabem né? Sabe o que acabo descobrindo quando procuro fotos minhas, gosto de ser fotógrafa pra estar sempre atrás da câmera, não tenho fotos minhas...socorro! rsrs

Mas, meu cabelo tá assim, como na foto aí com o meu marido e meu filhote mais velho.


Nunca tive problema com os meus cabelos, eles são ondulados e eu adoro assim!

Fico livre pra fazer o que quiser com eles, escova, bobies (kkkk, quem lembra?), babyliss, o que for, ele aceita, é um santo meu cabelo!

O que tem me aterrorizado são os brancos, apareceram assim, de uma hora pra outra e estão tomando conta...

Acho que ainda é muito cedo, a quantidade ainda não é tão grande e acho que tô novinha (oi?) mas, no futuro, talvez, adote um visual Miranda Priestlly, personagem da diva Meryl Streep (gosto dela, perceberam, né?) em O diabo veste Prada...um cabelo branco assim, acho digno!



E aí, gostaram? Espero que sim! Beijos e até a próxima!

quinta-feira, 13 de março de 2014

A primeira música que veio à cabeça! {#BC Musical}




Desafio da Dani Moreno de hoje: a primeira música que vier à cabeça!




Na verdade, essa não é só a primeira, é a música que não SAI da minha cabeça....kkkkkkkk

Ela está gravada no celular e meu caçula bota pra tocar a cada, aí varia: 15 minutos, 5 minutos, ou do modo mais usual, assim que termina, começa de novo! hahaha

Ainda bem que a música é ótima!


Happy - Pharell Williams



Tô meio cansada dela mas, é muito boa! Começar pelo título, quer coisa melhor do que ser Happy? 

Essa música é trilha sonora do filme Meu Malvado Favorito 2, ownnnnnnnnnn....minions!



A música Happy concorreu ao Oscar 2014 de Melhor Canção Original mas, não ganhou. Quem levou foi Let it go, da chatinha Demi Lovato....rsrs. Quer ver? Aqui.

A performande de Pharell Williams foi espetacular, desceu do palco e dançou com Lupita Nyong'o, que levou o Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante por 12 anos de Escravidão (merecido!) e com a diva Meryl Streep, que dispensa apresentações!

Vejam como foi:



Já gostava de Pharrell, têm músicas com pegada soul que eu amo!

Ele tem participação na música Get Lucky, do Daft Punk, que eu adoro!!




Descobri que Pharell Williams é cantor, compositor, rapper, produtor musical e estilista!! Ai, que tudo! 

Quer saber o que pintou na cabeça de Dani Moreno?

Clique AQUI!

Espero que tenham gostado, beijooooo!!!

segunda-feira, 10 de março de 2014

Déjà vu

Como disse no post da semana passada, meu aniversário foi dia 03 de março, fiz 41 anos.

Em casa, há muito tempo, os bolos de aniversário são feitos por mim. Esse ano, por causa de uma estomatite do caçula, não fiz. Mas comprei um pra data não passar em branco, né?

E a velinha de 1 ano não está errada não...se a vida começa aos 40, então esse é o meu primeiro aniversário, sacaram?




Tudo isso, mais uma postagem linda da minha amiga Diacuy, me fez voltar 40 anos no tempo.

Quando eu completei 1 ano de idade, não houve festa, não houve bexigas, sacolinhas surpresas, cenário, salgadinhos, refrigerante quente, brigadeiro esmagado, só houve um bolo.

Em volta desse bolo, que estava em cima de uma cadeira, eu, meu pai e minha mãe.

Claro que não me lembro disso, essa história está na minha memória por relatos repetidos da minha mãe, com tanta riqueza de detalhes e sempre da mesma forma, que fotografei no cérebro essa imagem.

Passados 40 anos, em volta de outro bolo, não igual mas singelo como aquele, estavam eu, meu marido e meus três filhos.

Ou seja, uma situação se repetia em minha vida, por motivos diferentes mas, me trouxe sentimentos idênticos.

Com 1 ano ou com com 41 anos, tudo o que eu precisava estava ali...e isso me encheu de ternura, aquela plenitude...quando não nos falta nada.

Entenderam? Não? Fernanda explica:
 Encontrei gente querida, ri bastante, trocamos histórias. Logo lembrei disso: "As melhores coisas da vida NÃO são coisas".
A estomatite também atrasou esse post, ele faz parte da BC #A semana, post 4, de Fernanda Reali. Cliquem e conheçam outras semanas. 

Curtinho, mas queria dividir...Beijo!


terça-feira, 4 de março de 2014

Começa com a letra C {BC Fotos}

Olha eu aqui de novo!!

Blogagem Coletiva é ótimo, sabia? Te compromete e você fica assim assim se não participar...fica a dica!
Bom, a BC de Fotos da Dani Moreno propõe o seguinte desafio:



EU começo com a letra C, então Claudia em dose quádrupla pra vocês:

Claudia

Brinco que eu e meu marido começamos com a letra C, ele se chama Ulisses, o que seria um "C" de pernas pro ar...rsrs, além disso nós dois somos um Casal, né? Digo também que cada um tem sua personalidade, mas o Casal tem uma personalidade própria:

Casal

Ontem foi meu aniversário, ganhei muitos presentes e mensagens, amei tudo e tô até agora pisando em nuvens por tanta coisa boa que recebi, escolhi uma delas para representar todas, esse Carinho quem me deu foi a Bia, minha norinha!

Carinho

Conhecem a Canção do Exílio, tem aquela passagem " Minha terra tem palmeiras, onde canta o sabiá...", né?

Aqui é assim "Minha casa tem coqueiros, mas que água não dá...". 

Vivo uma relação de amor e irritação com os coqueiros aqui de casa, são daqueles que dão coquinhos, bom pra quem faz isca de pesca, bom pra chamar bastante maritacas, bom pra fazer uma sujeira daquelas todos os dias e são OITO, ainda se dessem água né verdade?

Dão um visual incrível, essa é a parte boa...mas já tive vontade de arrancá-los Centenas de vezes!

Coqueiros


Hoje é curtinho, é Carnaval né?

Carnaval


Quer ver outras postagens com esse mesmo tema? Corre no blog da Dani Moreno.

Beijão!

sábado, 1 de março de 2014

Estreando na BC de Fernanda Reali "A semana"

Oi, pessoas!

Vocês devem estar estranhando eu JÁ de volta, né?

É que me comprometi com Fernanda Reali a participar da nova Blogagem Coletiva "A semana". Sim, nova, porque antes era Blogagem Coletiva de Esmaltes.

Não sabe o que é tudo isso, não? Quer saber? Clica aqui então.

Como confidenciei a algumas amigas, estava um pouco insegura em participar, porque na verdade acho minhas semanas, meus dias de um desinteresse total!

Pra ilustrar o conceito, foto da vista da minha casa, a cidade tem 2 prédios residenciais, há bem pouco tempo atrás havia só UM. Tenho um conhecido que mora nesse primeiro prédio e costumava falar assim: eu moro em Pederneiras, apartamento tal (não vou falar o número porque é bem fácil de descobrir o endereço dele com todas essas (oi?) informações. Hahaha, é invasão de privacidade!


Mas, como tudo melhora com o tempo, vamos ver no que dá né?

Essa semana comecei a participar da BC da Dani Moreno como vocês viram no post anterior. Comecei com a BC da Dani porque achei mais fácil falar de algo que adoro: música! Quem quiser participar, na semana que vem o tema é Carnaval.


Estou a-do-ran-do essa experiência das BC's e farei de tudo para que elas se tornem uma rotina pra mim. (Confesso, enrolou bem minha vida, mas tenho fé que é o começo! Tomara!)

Na quinta, soube que vou ser tia de uma menina, e fiquei muito feliz! Tenho 3 filhos e 1 sobrinho, é a primeira neta e sobrinha. Como disse minha irmã, estamos nos armando com bastante munição de mimos para a pequena, deve nascer fim de julho e não vejo a hora de conhecer a japinha! rsrs

Ontem, foi o primeiro Carnaval do meu caçula, o Rô...ele foi fantasiado de pirata pra não quebrar a tradição, aqui todo mundo começa a folia vestido de pirata!

E ele ficou assim:


Muito lindooooooooo!!!!

Ele curtiu tanto se fantasiar, ir pra escola sabendo que ia ter Carnaval que nem parece meu filho...hahaha, odeio carnaval!

Falo pra minha mãe que é trauma: nasci num sábado de aleluia, ou seja, tava lá no gostoso, no quentinho....e gente: o hospital ficava ao lado de um clube que teve baile as quatro noites, daí...traumatizou a bebê, a criança, a moça, a mulher!

Nunca gostei, em nenhuma fase da vida, só se virar uma véia sacudida, botar os dedinhos pra cima e esquindô, esquindô!!

É isso, tomara que gostem da minha movimentadíssima semana!

Quem comentar, leva o troco! kkkkkkk

Beijos, voltem sempre!


quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

Clássicos {Estreando na BC Musical}

Oi, pessoas!
Eu estou muito feliz, estou estreando na Blogagem Coletiva Musical da Dani Moreno!



"Voar, voar...Subir, subir...Ir por onde for..." hahaha, esse clássico dá uma pista do meu estado de espírito, o céu é o limite, pessoas!

Eu nasci na década de 70, vivi portanto toda a efervescência dos anos 80 e agradeço muito por isso, i love anos 80!

E clássico pra mim, primeiro da lista, é esse:

Thriller - Michael Jackson




Nossa! Como ouvi, vi e dancei essa música! Tinha um programa na época, chamado Som Pop, na TV Cultura se não me falha a memória (são muitos anos, gente! rsrs), que era MARAVILHOSO!

Era a MTV de hoje, para os leigos entenderem, os melhores vídeos da semana formavam um ranking e Thriller ganhou semanas e semanas e semanas, a gente até apostava quem seria o campeão, eu graças à Mr. Jackson sempre ganhava!

Eu era fascinada por Michael Jackson e Madonna, escutava as músicas, escrevia as letras, ensaiava os passos delas...olha, aquilo que era vida! kkkkk

Borderline - Madonna 


Considero muitas músicas como clássicos, adoro todo tipo de música, então vou fazer um apanhado mas, a lista é muito maior, já vou avisando!

Eu era alucinada por essa música:

Eyes without a face - Billy Idol


Cantei muito e quis aprender gaita por causa dessa música:

Karma Chameleon - Culture Club


Essa ficou famosa no filme do Shrek, mas tem Ó um tempão...

Holding out for a hero - Bonnie Tyler


Essa, mexe comigo até hoje, adoroooo!!

Maneater - Daryl Hall & John Oates


Pula, pula, eu disse pula....kkkkkk, com essa eu pulo:

Jump - Van Halen



A maioria das músicas desses caras deixavam the family de cabelo em pé, e eles ficavam sempre hahaha, mas essa todo mundo gostava:

Forever - Kiss



Embalou muitos namoros essa:

Still loving you - Scorpions



Como falei, a lista é grande, ficaria aqui até a próxima BC, só vou citar os que não poderiam ficar de fora, Queen, Cindy Lauper, A-ha, Eurythmics, Guns N'Roses, U2, Prince, Roxette, AC DC....

Aí, alguém pode perguntar, e músicas nacionais, nos clássicos dos anos 80 poderia incluir Blitz, Legião Urbana, Paralamas, Plebe Rude, IRA, são muitos também...

Mas, as músicas nacionais dessa época, eram cheias de protesto e gritos de ordem, cantei e curti muito sim! mas, não ficaram no meu coração como clássicos, e sim como instrumentos para manifestar nossos sentimentos, a ditadura ainda estava fresca, lembram disso (quem viveu)? saibam disso! (quem não viveu)

Quer curtir outros clássicos, dá um pulinho AQUI e se esbalde!

Dani, amei participar, espero que goste também...

Beijos!!!

sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

Verdades absolutas

Tem um cara, Friedrich Nietzsche, que apesar de (na minha opinião) ter sido um tanto pessimista, disse uma verdade absoluta (na minha opinião):

" Não há fatos eternos, como não há verdades absolutas."
Hoje em dia, (na minha opinião) todo mundo tem uma opinião firmada e autenticada em cartório sobre TUDO!

Impressionante o número de pensadores, estudiosos e filósofos sobre os mais variados temas.

E pior, (na minha opinião) as ditas e os ditos "cujos", ficam 24 horas por dia a postos, como verdadeiros bombeiros para jogar muita água fria na opinião dos outros, muitas vezes só pelo prazer da contrariedade.

Minam o diálogo e avivam o monólogo!

Aí, meio cansada disso, meio tentando falar sobre isso de maneira leve, vejo uma fotos que são a verdadeira expressão (na minha opinião) do que sinto...


Somos mais de 7 bilhões de pessoas no mundo, mas muitas vezes nos sentimos bem sozinhas.




Isso não quer dizer que não possamos ser felizes com nossos amigos.



Temos o tempo de escolher novos caminhos.
























Temos o tempo de nos purificar.
























O recolhimento e a contemplação são tão necessários....



...quanto alçar novos voos!


Então, meus caros, minhas caras, se (na minha opinião) a natureza humana é tão contraditória e heterogênea, qual o motivo de perder tanto tempo com discussões acaloradas e debates infindáveis sobre assuntos que não colocarão o pão na mesa e nem farão diferença na vida de ninguém?

As pessoas tem opiniões, tenhamos a nossa e, sobretudo, tenhamos muito respeito com a dos outros. É grátis, não faz mal e não engorda!

E só lembrando: SÓ ACHO!

As maravilhosas fotos deste post foram feitas no Japão, terra de parte dos meus ancestrais e foram gentilmente cedidas por Lola Diacuy, uma amiga fotógrafa talentosíssima, tanto pela técnica quanto pela sensibilidade. E não bastasse isso, a mulher é um verdadeiro evento!


 Quer conhecer o blog dela? Clique AQUI e adore!!!




 Beijo grande e até!